>> Iniciar Sesión  




+     

 


 

cursos do pichel 2015/16 (Compostela)
Fonte / Máis información

(ultima actualización: 17 / 9 / 15 )





A associaçom cultural a Gentalha do Pichel é um projeto autogerido, que se sustenta a partir do trabalho, ativismo e achegas económicas das pessoas associadas.

Os cursos, além de serem um espaço de convívio e aprendizagem, som umha ajuda económica para manter o centro social, por isto pedimos o teu compromisso à hora de fazer o pagamento no início de cada mês.

Sem matrícula. Depósito dumha mensalidade a maiores a começo do curso que será devolta no caso de avisar com um mês de antecedência da baixa do curso. O pessoal que fique até o fim do curso nom terá que pagar o último mês graças a este depósito.

Preço por mês. Desconto de 2€ no preço do curso para pessoas associadas, desempregadas (deve acreditar-se) ou que frequentem mais dum curso.

Mínimo de inscriçons para um curso começar: 3/4pessoas.

Com inscriçom prévia em gentalha@gentalha.org

Dúvidas e esclarecimentos em gentalha@gentalha.org ou no 698142936 (de 19h a 22h)


DE MANHÁ



  • Canto e Pandeireta. Iniciaçom


Segundas-feiras de 12h30 a 13h30. Começo de 5 outubro. Preço 16€


As aulas de pandeireta e canto virám da mao de Carme Iglesias, integrante das Pandeireteiras Bouba, da Pontragha. As pessoas velhas da comarca, de quem aprendeu a música, estám presentes no seu modo de tocar e ensinar. De Tordoia portas para fora… Começa a rota da pandeireta!


 



  • Gaita


Quartas-feiras de 10h30 a 11h30. Começo 7 de outubro.?Preço 20€. Número mínimo de participantes: 4 pessoas.


No curso fará-se umha aproximaçom à técnica do instrumento e aprenderemos algumhas peças. O curso irá da iniciaçom ao aperfeiçoamento, trabalhando ouvido, afinaçom e linguagem musical, com as noçons básicas de teoria e leitura aplicadas à prática da música tradicional. O professor será David Canto, gaiteiro iniciado na música tradicional na comarca da Marinha, para depois receber formaçom em gaita, percussom e requinta e flautas travessas em aCentral Folque e no Conservatório, do que posue o Grao Professional em Gaita Galega. Tocou com ”Acibreira” , ”Quarteto da Gentalha”, “Arrueiro” e “Do Fondo do Peto”, além de colaborar nos últimos discos de Os Cempés e Kepa Junquera.


 



  • Tamboril


Quartas-feiras de 10h30 a 11h30. Começo 7 de outubro.?Preço 20€. Número mínimo de participantes: 4 pessoas.


Neste curso praticará-se a técnica de tamboril tradicional (agarre das baquetas, batido e redobre, acentuado, etc), para a sua aplicaçom nos ritmos empregados na música tradicional galega. Fará-se um achegamento que permita a interpretaçom dum repertório variado e desenvolver-se no acompanhamento da melodia. O professor será David Canto.


 



  • Iniciaçom à dança tradicional


Quartas-feiras de 11h30 a 12h30. Começo 7 de outubro. Preço 15€. Número mínimo de participantes: 6 pessoas.


Neste curso aprenderemos pontos de diferentes zonas da Galiza para podermos participar ativamente em festas e foliadas. Será com Fuensanta Nieto, vizinha de Compostela, que bailou em diferentes agrupaçons folclóricas da comarca. Também fijo algum trabalho de campo por diferentes lugares da Galiza para aprender, de primeira mao, as diferentes maneiras de bailar dos e das nossas velhas.




  • Dança tradicional. Intermédio


Quartas-feiras de 12h a 13h. Começo de 7 outubro. Preço 15€. Número mínimo de participantes: 6 pessoas.


Se passaste por iniciaçom e queres continuar a aprender pontos para divertir-te nas foliadas este é o teu curso. A profe será Fuensanta Nieto.


 


À TARDE



  • Dança tradicional para quem nom sabe nada


Quartas-feiras de 20h a 21h. Começo 7 de outubro. Preço 15€.


Ensinada por Chus Caramés, que há décadas que anda no baile galego. Começa de mui novinha na agrupaçom folclórica da sua terra natal e a dia de hoje continua aprendendo da man das nosas pessoas velhas e em festas e foliadas. Além de bailadora e pandeireteira, é a organizadora dum evento muito importante para a música tradicional do país, “os Encontros de Música Tradicional de Carvoeiro”.


 



  • Dança tradicional para quem sabe um chisco


Terça-feiras de 20h30 a 21h30. Começo 14 de outubro. Preço 15€


Se já foste um aninho a dança é mais ou menos lembras o básico, este é o teu curso! Aqui afiançarás o aprendido e darás umha volta para continuares a desfrutar das festas e foliadas. Quem te ajudará é umha rapariga que sabe disso. Carme Campo aprendeu os primeiros pontos no Porrinho, aperfeiçoou-nos num grupo de Compostela e agora mantém-se aprendendo no dia a dia, em seráns e festivais de música tradicional.


 



  • Dança tradicional para quem sabe um chisco mais


Segundas-feiras de 22h a 23h. Começo de 5 de outubro. Preço 15€


Com Fuensanta Nieto aprenderemos alguns bailes de diferentes zonas para podermos continuar a participar ativamente em festas e foliadas, além de aperfeiçoar as técnicas do baile que já temos aprendidas doutros anos.


 



  • Pandeireta Iniciaçom e Aperfeiçoamento


Quartas-feiras. Iniciaçom de 19h a 20h. Começo 7 de outubro. Preço 14€. Duraçom até junho.


Quartas- feiras. Aperfeiçoamento de 20h a 21h. Começo 7 de outubro. Preço 14€. Duraçom até dezembro. Em Janeiro formaremos um grupo de gaitas e percussom com aulas concretas para isto com a gente de aperfeiçoamento que quiger participar.


Nas aulas aprenderemos a tocar os ritmos básicos da música tradicional galega, centrando-nos na técnica e no acompanhamento a outros instrumentos. Aitana Cuétara, a professora, está acompanhada pola música tradicional desde 1997. Começou sob a direçom do mestre Lolete, primeiro como gaiteira e logo já como percussionista, passando depois por outras agrupaçons e formando-se com diferentes músicos. Desde há treze anos leciona aulas regulares e cursos intensivos na Galiza e fóra.


 



  • Gaita


Quintas-feiras de 17h a 18h . Começo 1 de outubro. Preço 20€.


* Com David Canto. Ver informaçom nos cursos de Manhá.


 



  • Tamboril


Quintas-feiras de 18h a 19h. Começo de 1 outubro. Preço 20€. Número mínimo de participantes: 4 pessoas.


* Com David Canto. Ver informaçom nos cursos de Manhá.


 



  • Acordeom diatónico e piano.


Quintas-feiras de 17h a 19h. As aulas seram de 1 hora a escolher por cada aluna/o neste horário (ou de 17h a 18h, ou de 18h a 19h). Começo no 1 de outubro. Preço 22€.


Neste curso explicaram-se diversos elementos de técnica interpretativa e daram-se exercícios práticos adaptados ao nível e evoluçom de cada aluno/a. O repertório impartido centrará-se, fundamentalmente, em peças tradicionais galegas, fazendo ênfase nas próprias do acordeom e do canto, ainda que também se incluiram peças tradicionais doutras partes do mundo. A falta de instrumento ou de conhecimento musical nom é um impedimento para a assistência às aulas. O professor será Alberte Núñez Martínez quem se iniciou no mundo do acordeom da mao de Brais Maceiras depois de ter estudado piano no Conservatório Profissional de Música da Corunha. Assistiu a diversos encontros e cursinhos ofertados por grandes acordeonistas como Pedro Pascual, Cati Plana ou Xuan Nel Expósito. Toca nos grupos Sessión Vermú e Dúbida Duo e colaborou com Tiruleque ou os Tres Trebóns. Atualmente dá aulas de acordeom em diversas associaçons e intervêm em homenagens e concertos didáticos sobre o instrumento.




  • Música para peto. Harmónica e mais uns instrumentos miúdos.


Segundas-feiras de 18h45 a 19h45. Começo 5 de outubro. Preço 20€. Duraçom de outubro a dezembro.


Curso para todos os níveis sobre instrumentos que podem ser levados no peto, porque a música é o refúgio onde podermos agachar-nos contra o aborrecimento, a defesa da mediocridade. Curso para aprender/melhorar a tocar a harmónica em vários estilos (tradicional, folque, popular, blues…) e liçons para outros instrumentos: tarranholas, harpas de boca, assobios, colheres… O professor será Ariel Ninas (a.k.a. Mauro Sanín) músico polifacético associado à aCentral Folque, onde desenvolve a sua atividade profissional regular. Ainda que pouca gente o sabe, a harmónica é o seu primeiro instrumento, que toca desde os 14 anos e tivo em Marcos Coll (Reyes el K.O.) o seu professor. Como sanfonista, é membro da OMEGA (Orquestra de Música Espontánea da Galiza) e Ulobit (multimedia experimental).




  • Canto e Pandeireta.


Intermédio: segundas-feiras de 19h45 a 20h45. Começo 5 de outubro. Preço 16€


Avançado: segundas-feiras de 21h a 22h. Começo 5 de outubro. Preço 16€


As aulas de pandeireta e canto virám da mao de Carme Iglesias, integrante das Pandeireteiras Bouba, da Pontragha. As pessoas velhas da comarca, de quem aprendeu a música, estám presentes no seu modo de tocar e ensinar. Desde Tordoia portas para fora… Começa a rota da pandeireta!


 



  • Percussom Doméstica


Segundas- feiras de 21h a 22h. Começo 5 de Outubro. Preço 20€. Duraçom de 3meses.


No curso faremos um percurso polas músicas tradicionais da península ibérica, de Europa do leste e de América do sul, vendo que os instrumentos domésticos som um óptimo veículo para a aprendizagem musical de técnicas tradicionais e modernas.


Para realizar o obradoiro é recomendável trazer instrumentos domésticos como culheres, tijola, dedais de costura, caldeiro, táboas de lavar, sachos, latas, almirez ou morteiro ,… Também se podem trazer outros instrumentos de percusión tradicional para usar como base rítmica nalgumhas partes do obradoiro. Carlos Martínez leva desde 2003 até a atualidade percorrendo grande parte da península e Europa como percusionista de “Pan de Capazo”. No ano 2009 forma em Compostela a Fanfarria Taquikardia, grupo de referencia na animaçom de rua galega. Durante vários anos percorre a geografia galega como membro do grupo de percussom tradicional “PelePau”. Na atualidade o seu trabalho musical está em “Pan de Capazo”, “Os Calandracas” e o desenvolvemento das percussons domésticas, os bombos e os pandeiros de diferentes culturas do mundo.


 



  • Guitarra.


Nível I: terças-feiras de 19h a 20h . Nível II de 20h a 21h. Começo 6 de outubro. Preço: 25€.


Som ideais quer para gente que começa do zero, quer para quem já tem um nível intermédio. Nelas, trabalharam-se harmonia e técnica de forma conjunta, a un nível mui básico. A ideia é fazer aulas engraçadas onde a criatividade e a improvisaçom tenham um papel importante. Tocaram-se temas de diversos estilos (blues, rock, country, reggae, funk) e temas que proponha o próprio alunado, se a complexidade do tema o permite. O professor será Benjamín Vázquez, professor em educaçom musical e atual guitarrista de The Lákazans.


 

















COMENTARIOS:

 

Opina sobre esta nova









Ver máis novas.

 

 

 

 

 

 

 


 

 





 

Voltar á páxina principal